Prezado usuário,

Você está acessando esta página com um navegador que pode não proporcionar a melhor experiência.

Você pode continuar, mas, para ter a melhor experiência possível, recomendamos usar Edge, Firefox ou Chrome.

IMPULSO À SUSTENTABILIDADE: DHL SUPPLY CHAIN APRESENTA RESULTADOS NA ÁREA DE ESG NA AMÉRICA LATINA

Comunicado à imprensa: São Paulo, 3 de maio de 2022

  • 52% dos prédios da DHL Supply Chain na região são neutros, e até 2025 a empresa busca que seus Centros de Distribuição tenham zero emissões
  • Mais de 69.902 pessoas foram beneficiadas com as ações sociais da empresa durante o ano de 2021

A DHL Supply Chain, empresa líder em logística em todo o mundo e integrante do Grupo Deutsche Post DHL, apresenta seu resumo anual de ações alinhadas ao plano acelerado de descarbonização, anunciado em março de 2021, o qual estabeleceu metas em relação ao Meio Ambiente, Responsabilidade Social e Governança (ESG na sigla em inglês), dentre as quais se destaca a redução das emissões de CO2, bem como o aumento da frota sustentável em toda a região.

Nesse sentido, o documento “ESG: Ações em prol da sustentabilidade” apresenta as ações e os compromissos em que a empresa está trabalhando para gerar um impacto positivo na vida dos colaboradores, dos clientes e das comunidades onde tem operações.

“Para fortalecer nossas ações de sustentabilidade, contamos com mais de 5.400 colaboradores certificados como especialistas GoGreen. As capacidades geradas por esta certificação têm nos ajudado a promover os nossos objetivos de melhoria do meio ambiente, aprimorando a competitividade e alinhando-nos com os objetivos sustentáveis dos nossos clientes”, destacou Javier Bilbao, CEO da DHL Supply Chain na América Latina.

ESG: Impacto sobre a logística na América Latina

Em relação ao meio ambiente, o compromisso da DHL Supply Chain se concentra em oferecer operações “limpas” para a proteção do clima. Particularmente na América Latina, a companhia já tem 52% dos edifícios reconhecidos como neutros, no México e no Brasil, sendo que alguns deles receberam Certificações LEED[1]. Na área da Transportes, além da propulsão elétrica, alguns veículos dedicados à cadeia fria utilizam painéis solares integrados para maior eficiência e a empresa implantou também uma nova configuração de sua Torre de Controle, que otimiza a operação dos caminhões e suas rotas, alcançando maior redução das emissões de CO2. Ao promover o aumento da eficiência dos transportes, a empresa já evitou a geração de mais de 1.616 toneladas de CO2.

O Brasil é um dos países na América Latina em que a DHL Supply Chain mais avançou. Os primeiros testes com vans elétricas tiveram início em 2016 e o primeiro caminhão elétrico (VUC) foi adquirido em 2021. Atualmente, a frota já chega a 70 veículos. A companhia ainda usa bicicletas e veículos a gás e outros combustíveis alternativos para entregas urbanas. Em 2020, foi lançado o primeiro Centro de Distribuição com uma usina de energia solar na cobertura do armazém que gera quase toda a energia que necessita. Esta instalação agrega também outras boas práticas sustentáveis, como aproveitamento de resíduos e medidas de uso racional de água e iluminação, o que garantiu a certificação LEED GOLD e LEED PLATINUUM. Além disso, são utilizados cada vez mais equipamentos elétricos nos armazéns como paleteiras, transpaleteiras e outros.

Em relação ao pilar Social, colaboradores da DHL Supply Chain América Latina dedicaram mais de 33.571 horas de voluntariado, beneficiando a mais de 69.202 pessoas e 844 organizações da sociedade civil. Entre os principais programas a que a empresa se dedicou, destaca-se o “Mulheres na Estrada”, que tem como principal objetivo a contratação de mulheres para dirigir veículos elétricos no Brasil. No total, já são 32 mulheres motoristas e a meta para 2022 é alcançar a marca de 140.

Os avanços em termos de sustentabilidade e ambiente de trabalho foram alavancados pelo investimento que a empresa tem feito na região nos últimos anos, fortalecendo a atração, retenção e desenvolvimento de talentos com iniciativas como o Programa de Trainees.

Por fim, em seu pilar de Governança, a empresa na América Latina fortaleceu seus programas de Compliance por meio de treinamentos abrangentes.

Para baixar o material completo intitulado “ESG: Ações em prol da sustentabilidade”, clique aqui.


1 LEED® (sigla em inglês para Leadership in Energy & Environmental Design) é o sistema de certificação mais utilizado no mundo para o projeto, construção, manutenção e operação de edifícios sustentáveis.